Home Informações do Governo Ações fortalecem o Brasil no combate à pandemia

Ações fortalecem o Brasil no combate à pandemia

por Ministério da Saúde

BALANÇO

Ministério da Saúde já repassou para estados, municípios e Distrito Federal R$ 78,2 bilhões para fortalecer a rede pública de saúde no enfrentamento da Covid-19

O Ministério da Saúde vem dando apoio irrestrito aos estados e municípios na compra e entrega de equipamentos, habilitação de leitos de UTI exclusivos para o tratamento de pacientes com Covid-19. Até o momento, já foram repassados R$ 78,2 bilhões aos estados, municípios e o Distrito Federal. Desse total, R$ 52,8 bilhões foram para os serviços de rotina do SUS e outros R$ 25,9 bilhões para o combate à Covid-19.

Os recursos são liberados a partir da publicação de portarias no Diário Oficial da União (DOU). Dessa forma, a pasta tem repassado verbas extras e fortalecido a rede de atendimento do SUS – com envio de recursos humanos (médicos e profissionais de saúde); insumos; medicamentos; ventiladores pulmonares; testes de diagnóstico; habilitações de leitos de UTI para casos graves e gravíssimos, e Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para os profissionais de saúde.

Durante a coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (27) pelo Ministério da Saúde – com o balanço das ações da semana no combate à Covid-19 -, o IBGE apresentou a primeira amostra da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – PNAD Covid-19. “Essa investigação é muito importante para traçarmos o perfil do que está acontecendo com o nosso país nesse momento e, assim, podermos traçar políticas públicas e de saúde para a pandemia”, destacou o secretário executivo do Ministério da Saúde, Elcio Franco. Veja aqui os resultados da PNAD Covid-19

Em relação às UTIs, já foram habilitados no país 12.166 leitos – dos 12.233 solicitados pelos estados e municípios – para o tratamento exclusivo de pacientes da Covid-19, sendo que 247 são de UTI pediátrica. O valor investido nessas habilitações pelo Governo do Brasil é de R$ 1,7 bilhão.

VENTILADORES PULMONARES
Como parte do apoio estratégico do Governo do Federal no atendimento a todos os estados e Distrito Federal, o Brasil conta com o reforço de 10.711 ventiladores pulmonares entregues pelo Ministério da Saúde para o auxílio no atendimento aos pacientes com Covid-19. A distribuição para os municípios e unidades de saúde é de responsabilidade de cada estado – conforme planejamento local.

As entregas levam em conta a capacidade instalada da rede de assistência em saúde pública – principalmente nos locais onde a transmissão se dá em maior velocidade. A aquisição destes equipamentos é de responsabilidade dos estados e municípios, mas, diante do cenário de emergência por conta da pandemia, o Ministério da Saúde utilizou o seu poder de compra em apoio aos gestores locais do SUS.

PROTEÇÃO INDIVIDUAL
O Ministério da Saúde distribuiu 255,4 milhões de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para garantir a proteção dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente do enfrentamento à Covid-19 em todo o país. Entre os itens, estão máscaras, aventais, óculos, protetores faciais, toucas, sapatilhas, luvas e álcool. As entregas representam mais um entre diversos esforços do Governo do Brasil para auxiliar e reforçar as redes de saúde dos estados e municípios no combate à pandemia.

Ao todo, o Ministério da Saúde já entregou aos estados 564,3 mil litros de álcool; 3,1 milhões de aventais; 36,9 milhões de luvas; 18,2 milhões de máscaras N95; 176,8 milhões de máscaras cirúrgicas; 2,3 milhões de óculos e protetores faciais, e 17,2 milhões de toucas e sapatilhas. Os materiais foram entregues para as secretarias estaduais de Saúde, responsáveis por definir quais os serviços vão recebê-los a partir de um planejamento local.

SAÚDE INDÍGENA
Para reforçar à assistência aos indígenas, a Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI) abriu edital para a contratação de dez profissionais de saúde para formação de duas Equipes de Ação Integrada que atuarão no âmbito dos 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI). As inscrições seguem até 30 de agosto, no site: www.saudeindigena.saude.gov.br.

Na missão interministerial do Mato Grosso do Sul (MS), que acontece nesta semana, foram enviados mais de 118 mil itens de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) às aldeias de Aquidauana, Sidrolândia, Miranda, Japorã, Tacuru e Caarapó. A expectativa é que sejam realizados cerca de 3 mil atendimentos. A missão é reforçar a assistência aos indígenas do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) Mato Grosso do Sul e é realizada pelo Ministério da Saúde – por meio da SESAI -, em parceria com o Ministério da Defesa e governos dos estado e municípios.

PLATAFORMA LOCALIZASUS
A população pode acompanhar a quantidade de EPIs, medicamentos e ventiladores pulmonares distribuídos a cada estado pelo Localiza SUS, um painel on-line criado pelo Ministério da Saúde. Na plataforma também é possível acompanhar a quantidade de leitos habilitados, testes entregues e repasse de recursos para todos os estados e municípios. O objetivo é informar a população sobre tudo o que foi comprado, doado e distribuído para o enfrentamento da pandemia de Covid-19.

Acesse a apresentação da coletiva

Ministério da Saúde
61 3315.3580 / 2745

Posts Relacionados

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais