Home Informações do Governo Conduta precoce nos casos de Covid-19 evita agravamento e mortes

Conduta precoce nos casos de Covid-19 evita agravamento e mortes

por Ministério da Saúde

CORONAVÍRUS

O Ministério da Saúde recomenda que todas as pessoas com sintomas de gripe procurem os serviços de saúde para diagnóstico e tratamento precoce

O Brasil é líder mundial em relação ao número de pacientes recuperados da Covid-19 e esse fator é resultado das ações do Ministério da Saúde em resposta à pandemia. Uma delas é a recomendação de conduta precoce, com a orientação de que todas as pessoas que apresentem sintomas gripais procurem os serviços de saúde imediatamente. O objetivo é evitar o agravamento da doença, reduzindo complicações, internações e até a morte.

Em coletiva de imprensa realizada, nesta quarta-feira (29), em Brasília (DF), o secretário de Vigilância em Saúde da pasta, Arnaldo Medeiros, destacou que essa atitude visa salvar vidas. “Essa conduta precoce pode evitar complicações da doença e garante o acompanhamento médico oportuno que o paciente necessita para que não precise de leitos de UTI. O Sistema Único de Saúde faz acompanhamento de todos os casos de Covid-19, sendo eles leves, moderados ou graves”, pontuou.

Confira a apresentação

Pelo sistema E-SUS Notifica, o Ministério da Saúde acompanha os casos leves da doença. Ele foi desenvolvido neste ano para captar a notificação imediata de casos leves de Síndrome Gripal (SG) suspeitos de Covid-19. O objetivo é garantir agilidade no processo de notificação.

Além disso, de acordo com o secretário de Vigilância em Saúde da pasta, Arnaldo Medeiros, as Unidades Básicas de Saúde (UBS), que fazem o primeiro atendimento do cidadão, estão preparadas para assistir esses pacientes. Desde o início do ano, as gestões locais têm adequado a rede de saúde, reorganizando os processos de trabalho e oferta de serviços para garantir pronta resposta à emergência.

Durante coletiva de imprensa desta quarta-feira (29), o secretário Arnaldo Medeiros também destacou que o Brasil está preparando estratégia de vacinação, para quando as vacinas prováveis vacinas contra a Covid-19 já estiverem disponíveis. “Em breve teremos uma grande ação de vacinação. O Programa Nacional de Imunização está preparado. Estamos atentos às vacinas que estão em desenvolvimento no mundo. O Brasil é o país que está coordenando a 3ª fase para a produção da vacina de Oxford”, concluiu o secretário.

Por Vanessa Aquino, da Agência Saúde
Atendimento à imprensa

(61) 3315-2535/2351

Posts Relacionados

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais