Home Informações do Governo Ministério da Saúde já atendeu 471,6 mil pessoas à distância

Ministério da Saúde já atendeu 471,6 mil pessoas à distância

por Ministério da Saúde

TELESUS

Mais de 1 milhão de pessoas procuraram os serviços de teleatendimento do SUS para receber orientações sobre sinais e sintomas do coronavírus

Os serviços de teleconsulta do Sistema Único de Saúde, o TeleSUS, já foram buscados por mais de 1 milhão de pessoas. Deste total, 471,6 mil foram avaliadas à distância pelo Ministério da Saúde sobre os sintomas do coronavírus, por meio dos serviços 136, Chatbot, Aplicativo, Busca Ativa e Acompanhamento. Entre os que foram avaliados, 89% foram considerados saudáveis. Cerca de 13 mil pessoas foram encaminhadas para teleatendimento pré-clínico com médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem.

“Quem tem sintomas gripais deve usar o maior sistema de atendimento à distância já criado num sistema universal de saúde. As pessoas serão atendidas por um robô inteligente e, se necessário, encaminhadas para enfermeiros e médicos que, ao telefone, lhes darão orientações adequadas sobre medicação, se devem ficar em isolamento e se os familiares também devem fazer o isolamento”, explica o secretário nacional de Atenção Primária à Saúde, Erno Harzheim.

Desde o dia 1º, quando o TeleSUS foi lançado, até as 10h30 de hoje (7/4), o serviço de Busca Ativa efetivou 424 mil ligações automáticas, que servem para acompanhar a evolução da doença e mapear áreas de risco de contágio do coronavírus, a partir da identificação precoce de pessoas com sinais e sintomas de síndrome gripal. Esse mecanismo permite identificar antecipadamente pessoas vulneráveis, com sinais e sintomas de infecção por coronavírus e encontrar possíveis casos.

“Milhares de pessoas tem recebido ligações do 136, estando ou não com sintomas, porque nós estamos preocupados com todos. Nessa ligação, nós perguntamos se a pessoa tem sintomas ou não e o que ela deve fazer em cada uma dessas situações. Aquelas que forem caracterizadas como portadoras de síndrome gripal e talvez risco de estar com Covid-19, serão monitoradas diariamente ou a cada 48h e receberão orientação mais precisa do local adequado para procurarem, caso tenham um agravamento da situação”, explica Erno Harzheim.

Mais de 27 mil atendimentos foram ou estão sendo acompanhados, diariamente ou a cada dois dias, a depender de cada caso. Desse total, 66,75% apresentaram melhora, 26,6% permaneceram estáveis e 6,6% pioraram. “Ligue para nós, nós ligamos para vocês”, sintetiza o secretário de Atenção Primária.

ATENDIMENTO À DISTÂNCIA

Por meio do aplicativo “Coronavírus SUS”, pelo chatbot disponível na página do Ministério da Saúde na internet ou ligando diretamente para o 136 e escolhendo a opção 1, a população pode buscar ajuda para identificar sinais da doença. Mais de 20 mil atendimentos já foram registrados nessas ferramentas. Só o telefone 136 recebeu mais de 17 mil ligações, sendo que 5,5 mil dos atendimentos foram considerados de alto risco e encaminhados para a teleconsulta. Já o aplicativo e o chatbot contabilizaram quase 4 mil atendimentos.

“Se você tem sintomas gripais como febre, tosse, dor de garganta e dificuldade para respirar, não saia de casa. Entre em contato conosco. E se você receber a nossa ligação, atenda. Nós nos preocupamos com você”, pede Erno Harzheim.   

Por Tinna Oliveira, da Agência Saúde
Atendimento à imprensa
(61) 3315-3580 / 2351 / 3713

Posts Relacionados

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais